top of page
  • Foto do escritorBeltrão

Vantagens e desvantagens de trabalhar com entregas com veículo próprio (UBER, RAPPI, LALAMOVE)


Vantagens e desvantagens de trabalhar com entregas com veículo próprio
Vantagens e desvantagens de trabalhar com entregas com veículo próprio

Você sabia que trabalhar com entregas com veículo próprio é uma ótima alternativa para empreender ou mesmo conseguir uma renda extra?

Para você ter uma ideia, somente entre março e dezembro de 2020, em plena pandemia desencadeada pelo novo coronavírus, foram mais de 1,49 milhão de novas formalizações de Microempreendedores Individuais (MEI’s) no Brasil, abrangendo todas as categorias de produtos e serviços.

Na mesma proporção, seguem as oportunidades de prestação de serviços de entregas. No entanto, para exercer essa atividade, você precisa inserir a observação EAR (Exerce Atividade Remunerada) em sua CNH.


Vantagens de trabalhar com entregas com veículo próprio


Se você faz parte da população brasileira que deseja ter o seu próprio negócio e faturar muito com serviços de entrega, saiba que a área traz boas oportunidades.

Elencamos as principais dicas para você a seguir. Acompanhe!


Fazer seu próprio horário


Uma das vantagens de ser o dono do próprio negócio, com certeza, é fazer o seu horário.

Você pode optar por trabalhar em escala e também pode se dedicar quantas horas achar necessário.

Assim, você equilibra o orçamento à sua capacidade de atendimento, enquanto ainda não pode contratar mais pessoas para crescer com o negócio.


Escolher que tipo de entrega deseja fazer


Você também pode escolher que tipo de entrega deseja realizar. Isso está ligado à sua disponibilidade para o trabalho e ao tipo de veículo que possui.

Caso tenha uma moto, por exemplo, terá de optar por entregas menores, pois o veículo não comporta um grande volume.

Caso tenha um período de tempo curto para se dedicar nesse início, é bem provável que se dedique a entregas rápidas, ou seja, que possuem prioridade e, consequentemente, um valor maior.

Caso tenha um furgão ou kombi, pode fazer entregas para distribuidoras e comércios.

A vantagem desse modelo de trabalho é que você pode estabelecer um valor para receber mensalmente, tendo a possibilidade de prestar o serviço de forma fixa.


Complementar renda


Se você está trabalhando para realizar um sonho, como trocar de carro ou mesmo comprar a casa própria, ter uma renda extra é fundamental para tornar esse objetivo mais próximo, certo?

É nessa hora que trabalhar com entregas com veículo próprio pode ajudar!

Isso porque essa pode não ser sua principal atividade, porém, pode ajudá-lo  a complementar a renda.

A situação também vale para alguma urgência ou situação que necessite fazer mais dinheiro.


Ser seu próprio chefe


Ao optar por esse formato de trabalho, ao mesmo tempo em que você tem liberdade para criar o seu cronograma, também tem a responsabilidade de gerar renda usando somente a sua mão de obra, seu veículo e combustível.

Além disso, sendo o seu próprio chefe, você pode conceder mais qualidade para seu serviço.


Desvantagens de trabalhar com entregas com veículo próprio. Vantagens e desvantagens de trabalhar com entregas com veículo próprio (UBER, RAPPI, LALAMOVE)


Adultos entendem que tudo tem o seu lado bom e ruim, não é mesmo?

E não é diferente quando o assunto é trabalhar com entregas com veículo próprio.

Veja a seguir as principais desvantagens de trabalhar com essa modalidade de serviço.


Escolher clientes ruins


Escolher clientes ruins é um erro que um empreendedor iniciante pode acabar cometendo.

Afinal, você pode cair no equívoco de fazer preços menores para conhecidos e, pior, às vezes, nem cobrar por uma entrega, a fim de agradar as pessoas.

Mas, como todo negócio, é necessário gerar lucro!

Então, você precisa desenvolver competências para saber quais escolhas fazer, quais negócios serão bons para você ou não, antes de fechar com um cliente.


Ter de lidar com a burocracia


Para prestar serviço de maneira formal, ou seja, poder emitir nota fiscal, ter impostos recolhidos e assistência do Instituto Nacional de Previdência Social (INSS), você precisa se formalizar.

No início das atividades, é indicado que você abra um Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) como Microempreendedor Individual (MEI).

Isso porque algumas grandes empresas contratam esse tipo de serviço e pedem para seus entregadores ao menos um documento que comprove sua profissão.

Para tanto, você terá de abrir a empresa e também possuir um certificado digital, além de contribuir mensalmente com as taxas do governo.


Ter que inserir os custos de manutenção na sua renda


Como você vai trabalhar com o seu veículo, vai precisar mantê-lo funcionando perfeitamente para exercer a atividade.

Para tanto, é preciso realizar a manutenção preventiva, abastecer o veículo e manter a direção econômica para não ter problemas no futuro.


Adicionar o EAR na CNH


Para Exercer Atividade Remunerada  (EAR), você precisará adicionar a EAR na sua Carteira Nacional de Habilitação (CNH), o que indica que o motorista trabalha com transporte de carga ou de pessoas.

A norma é prevista no Código de Trânsito Brasileiro (CTB), em seu art. 147, § 5º, e deve ser adicionada, independente da categoria de habilitação do motorista.

Para adicionar essa observação na carteira de motorista, o condutor deve ser submetido a 2 importantes exames:

  1. Exame de Aptidão Física e Mental

  2. Avaliação Psicológica (nos parâmetros destacados pelos parágrafos 2º e 3º do art. 147 do CTB)

O requerimento de inclusão pode ser feito a qualquer momento da vigência da habilitação.

Para solicitar a inclusão da EAR na CNH, basta acessar o site do Detran do seu estado.

Existem três etapas para incluir a EAR na sua CNH. Acompanhe!


Etapa 1


Acessar o site do Detran do seu estado e inserir os dados de identificação, como o CPF e o número do Documento Único de Arrecadação pago.


Etapa 2


Após o cadastro no site, é necessário comparecer à clínica credenciada pelo Detran e apontada no requerimento, para realizar a avaliação psicológica, física e mental.


Etapa 3


Caso seja aprovado nos exames, você deve retirar a sua CNH, com o registro de EAR, no local, dia e hora marcados pelo Detran do seu estado.

Vale lembrar que a EAR precisa ser incluída na carteira de motorista, mesmo que você trabalhe por meio de um aplicativo de entregas.

Logo, a desvantagem de adicionar a EAR na sua CNH fica apenas por conta da burocracia.

Além disso, você pode aproveitar a oportunidade e fazer um curso de renovação da CNH, a fim de atualizar os seus conhecimentos.

Assim, as vantagens e desvantagens de trabalhar com entregas com veículo próprio devem ser mensuradas, a fim de que você tenha mais sucesso nas suas atividades!


23 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page